18 de jan de 2012

Lição 02 - Pense Magro - ESCOLHA DUAS DIETAS RAZOÁVEIS


Bom Dia!!!
No Grupo optamos em enviar as Lições nas segundas e nas quartas, ir mais devagar, compartilhar as dúvidas e dicas, essa é a proposta...

Eu, estou lendo o Livro devagar e meditando sobre o que aprendi e o que deu certo... a dieta escolhida no ano passado me contemplou e não me deixou com a sensação de ter restringido qualquer grupo de alimento... minhas indulgências não foram tantas e foi fácil manter a dieta em eventos sociais e passeios... escorreguei naquela de acreditar que no dia seguinte retomaria a programação... se não anotei, não planejei, não tem como conferir onde extrapolei...

Mantenho as mesmas dietas, com a espectativa de ser mais persistente, paciente e organizada....



Dieta do Arroz e Feijão - existe e é saudável:

http://dietaja.uol.com.br/saude-fitness/123/artigo28913-2.asp?sms_ss=gmail&at_xt=4ddbb60fd3b3eee0%2C0

  1, 2, feijão com arroz para perder até 3Kg em sete dias
Quem diria que a combinação mais famosa do Brasil ajudasse a emagrecer? E ajuda mesmo, pois os nutrientes contidos na porção, incluindo fibras, cálcio e proteínas, saciam a fome por mais tempo e, de quebra, aceleram o seu metabolismo

POR FABIANA GONÇALVES

Arroz, feijão, bife e salada. Presente na mesa de milhões e milhões de brasileiros, essa combinação, segundo os especialistas, está, sim, entre as mais saudáveis da sua mesa. Agora, se ela não está presente, saiba que deveria, pois além de muito nutritiva, ajuda na manutenção e perda de peso. “Se a população brasileira comesse arroz, feijão, carne e salada, certamente não haveria um crescimento tão grande da obesidade”, afirma o médico endocrinologista Alfredo Halpern, presidente da Abeso (Associação para o Estudo da Obesidade), do Hospital das Clínicas (SP). Pensando em como combinar essa duplinha com outros acompanhamentos e, ainda, auxiliá-la a acelerar o metabolismo e mandar embora até 3 kg em 7 dias, a nutricionista Catarina Stocco, especialista em Nutrição Clínica, Esportiva e Funcional, de Curitiba (PR), elaborou um cardápio com cerca de 1.000 calorias, que inclui cinco refeições diárias, e tem a combinação como prato principal todos os dias. “Embora o arroz branco comum tenha alto índice glicêmico, ou seja, ele vai para a corrente sangüínea mais rapidamente, o feijão, por sua vez, é uma proteína de origem vegetal, que junto ao primeiro ingrediente, sacia a fome por mais tempo, fazendo com que a pessoa coma menos”, afirma Catarina.

Refeição completa
A nutricionista lembra que esses alimentos são ricos em cálcio e fibras. “Se incluirmos a proteína da carne e as fibras dos vegetais e frutas como sobremesa, teremos então, uma refeição completa, saudável e que auxilia no combate à obesidade”, orienta Catarina. “Ao contrário do que muitas pessoas pensam, não são os dois juntos que engordam, mas, sim, a quantidade deles no prato. Com moderação, eles são fundamentais”, garante. “Sem contar que são as outras tantas besteiras que colocamos entre as refeições ou mesmo no cardápio que levam ao aumento de peso, e não o arroz e feijão de cada dia”, certifica.

Fazer várias refeições ao longo do dia mantém o metabolismo ativo e acelera o gasto calórico
Catarina também deu prioridade aos alimentos integrais, além de verduras, legumes, frutas, carnes e queijos magros, ingredientes altamente nutritivos que, segundo ela, auxiliam no funcionamento do organismo. “Esses itens nutrem e aumentam a saciedade, mesmo sendo um menu com menos de 1.200 calorias diárias”, assegura. “Ainda assim, este regime não deve ser seguido por mais de 7 dias, pois, se em uma semana ele acelera a perda de peso, permanecendo por mais tempo, ocorre o efeito rebote: o organismo se acostuma com a baixa ingestão calórica, guarda, no caso a gordura, e pode levar ao aumento de peso novamente”, indica. “Por isso, após esse período, aumente as porções de proteína magra”, ensina.

Acelere a perda de peso

Você deve estar cansada de ouvir pessoas que seguem um regime atrás do outro e não conseguem chegar ao peso ideal porque não fazem nenhuma atividade física. Na verdade, segundo os especialistas, o exercício físico é um grande aliado para acelerar o emagrecimento. Mas, lembre-se que é essencial comer um carboidrato antes. “Esse tipo de alimento evita que a pessoa queime massa magra, e sim, gordura. Antes da atividade ela precisa de mais energia para o corpo, por isso o carboidrato é o mais indicado nessa hora”, explica Catarina. “Boas opções são uma barra de cereal ou uma fruta com 1 colher de sopa de aveia”, exemplifica a profissional. O chá verde e o gengibre, presentes diariamente no menu, também têm a função de intensificar a perda de peso. “Por ser desintoxicante, diurético e possuir alto poder antioxidante, esses ingredientes auxiliam no emagrecimento”, assegura a nutricionista. “Uma verdura que fiz questão de incluir é a couve orgânica. Tomar, diariamente, o suco da folha com uma fruta elimina as toxinas acumuladas no fígado e melhora a função do intestino”, complementa.


Agora a seguir a outra Dieta: simples e já pratiquei e com ela emagreci 10Kg, quisera eu ter tido paciência e seguido em frente, talvez estivesse mais tranquila para aprender a MANTER o peso e não eliminá-lo... mas vamos em frente:

Minha segunda opção e já deu certo uma vez, é seguir a primeira semana do VP ponto Flex, não encontrei o Livro com o Cardápio para enviar a vocês, tenho em casa e já sei que dá certo e que me adaptei, pois é básico, sem receitas mirabolantes e a Lista de Compras fica em conta...

Mas temos a versão anterior da Dieta dos Pontos do VP (semana 01) aqui: clique aqui

A Mônica explica e tem uma lista com os Pontos, está na NET e fica fácil seguir para quem tem acesso à NET: clique aqui

Sei que terá um momento que teremos que registrar o que comer... e podemos começar agora...

Link do Jornal Pessoal do VP: Clique aqui

E claro, para reforçar o uso do Arroz e Feijão, segue a dica de como eles são feitos no VP...

Bjins e sigamos com nossas tarefas!!!
Arroz Vigilantes do Peso
Ingredientes
2 xícaras de caldo de galinha 0% de gordura
2 colheres de sopa de cebola picada
1/2 dente de alho amassado
1 xícara de arroz
ervas frescas ou açafrão , opcionais

Preparo
Numa caçarola em fogo médio , ferva 2 xícaras de caldo de galinha 0% gordura com duas colheres de sopa de cebola picada e 1/2 dente de alho amassado e 1xícara de arroz. Cozinhe por 20 a 30 minutos até o arroz absorver toda a água e amaciar. Varie o arroz branco para o integral e acrescente ervas frescas ou açafrão , se gostar. Rende 4 porções de meia xícara.

OBS:
eu achei que ficou com  muito gosto  de caldo de galinha, vou preferir usar 1/2 colher de chá de óleo para refogar o arroz.

Receita do programa Vigilantes do Peso




Feijão Vigilantes do Peso
Ingredientes 


1/2 kilo de feijão
1 litro de água
1 folha de louro
1 sachê de caldo de carne 0% de gordura
1/2 colher de chá de óleo
1/2 cebola picada
sal e pimenta do reino a gosto

Preparo
 
Coloque 1/2 kilo de feijão de molho cerca de 4 a 6 horas antes de cozinhar ou deixe de pernoite. Escorra, lave e cozinhe com 1 litro de água , 1 folha de louro e o caldo de carne 0% gordura , em panela comum. Se for usar panela de pressão, não precisa deixar de molho. Aqueça uma frigideira antiaderente com 1/2 colher de chá de óleo e doure a cebola picada. Transfira o feij!ão e complete o tempero com sal e pimenta. Rende 12 porções de 1/2 xícara de grãos.

OBS2: prefiro o tempero pronto de minha sogra: alho, cebola e sal

 
Lista de Tarefas de Hoje:
Li, pelo menos duas vezes hoje, meu Cartão de Vantagens de emagrecimento (x ) Sim ( ) Não
Li outros Cartões de Enfrentamento quando foi necessário (x ) Sim ( ) Não
Pesquisei Dietas  ( x) Sim ( ) Não
Escolhi a Dieta Principal e a Secundária, ambas razoáveis (x ) Sim ( ) Não

Um comentário:

Denise disse...

Adorei o seu blog, já que o tema o que toda mulher corre atrás. Parabens pela iniciativa. Vou sempre passar aqui para saber das novidades.Um grande abraço

A semana passou e...

Boa Tarde!! A semana anterior foi produtiva!! Já fiz 3 lições do "Pense Magro" - embora precise ser mais assertiva, sei ...

Cartão de Enfrentamento

Tanto quanto eu quero comer esta comida e aproveitar um ou dois minutos de prazer, emagrecer é muito importante para mim.

Todas as dietas capacitam você para o emagrecimento obedecendo ao mesmo princípio, fazendo você comer menos calorias.

Escolha uma dieta que lhe permita comer uma variedade razoável de alimentos. Você poderá emagrecer mesmo que a dieta não seja nutritiva, mas seu corpo se rebela - e você engorda outra vez.

Este programa ensina você a modificar sua dieta através do processo de indulgências planejadas inseridas em toda programação alimentar: Isto pode ajudá-lo a aderir a dieta por muito mais tempo.

Quando eu aceitar os exercícios como essenciais e começar a praticá-los constantemente, fazer dieta será mais fácil.

Quando eu tiver um Técnico que esteja me dando apoio e me ajudando regularmente, fazer dieta será mais fácil.

Quando eu fizer mudanças em casa e no trabalho para afastar qualquer tentação, fazer dieta será mais fácil.

Quando eu aceitar o fato de fazer dieta exigir tempo e energia, e de que eu preciso adaptar meu planejamento diário, fazer dieta será mais fácil.

Quando eu aceitar o fato de que tenho de comer devagar e prestar atenção em cada porção do que estou comendo, fazer dieta será mais fácil.

Quando eu conseguir desenvolver minha autoconfiança por meio de concessão de elogios, fazer dieta será mais fácil!!

Quando eu aceitar o fato de que tenho de me sentar sempre que for comer qualquer coisa, fazer dieta será mais fácil!

Quando eu aceitar o fato de que preciso ter uma programação alimentar saudável para toda a minha vida, fazer dieta será mais fácil.

Quando eu Lembrar continuamente de todas as razões pelas quais quero emagrecer, fazer dieta será mais fácil. - Não Tenho Escolha!

Não tenho escolha.

Quando eu aceitar o fato de que tenho que emagrecer 2 quilos de cada vez, fazer dieta será mais fácil.

Quando eu aprender a reconhecer a diferença entre fome e o desejo incontrolável de comer, fazer dieta será mais fácil.

Quando eu superar minha intolerância à fome, fazer dieta será mais fácil.

Quando eu parar de ceder aos desejos e eles se tornarem mais fracos, fazer dieta será mais fácil.

Quando eu aceitar que tenho que escrever um plano alimentar todas as noites para o dia seguinte, fazer dieta será mais fácil.

Não é certo comer alimentos não planejados!

Quando eu aceitar o fato de que tenho que monitorar minha alimentação por escrito, fazer dieta será mais fácil.

Quando eu aceitar o fato de que devo desistir da alimentação espontânea, fazer dieta será mais fácil.

Quando eu aprender a parar de comer, mesmo que ainda tenha comida no prato, fazer dieta será mais fácil.

Quando eu conseguir modificar meu conceito de saciedade, fazer dieta será mais fácil.

Se não consegue fazer uma caminhada, quase apressadamente, depois da refeição, significa que você comeu em exagero e talvez tenha uma definição irrealista de saciedade

Para ter sucesso em sua meta de emagrecer e não voltar a engordar, é preciso se acostumar a não comer além da quantidade estabelecida no planejamento alimentar.

Se você quiser ser bem sucedido na meta de emagrecer e não voltar a engordar é necessário aprender a reconhecer o seu ponto de satisfação e, então parar, imediatamente, de comer.

Quando eu parar de me enganar sobre minha alimentação, fazer dieta será mais fácil

Volte aos trilhos:
Se eu comer o que não devo, ainda assim, não terei estragado tudo. Isso não e o fim do mundo. Eu posso retomar meu planejamento alimentar neste minuto. Só porque cometi um erro, não significa que tenho que continuar comendo. Isso não faz sentido. E milhões de vezes melhor parar agora do que me dar permissão para comer mais.

Quando eu encarar meus deslizes apenas como erros e me decidir comprometer novamente, no mesmo momento, com o planejamento alimentar, fazer dieta será mais fácil.

Certo dia a balança vai registrar exatamente o peso que deveria registrar: em função daquilo que você come, da energia que gastou nos últimos dias, da quantidade de líquido retido e de outras influências biológicas.

Quando eu aprender a usar o resultado da balança como informação para guiar meu planejamento alimentar, fazer dieta será mais fácil.

Quando eu aceitar as mudanças que preciso realizar, fazer dieta será mais fácil.

Paciência!!!!

Vou me esforçar para aceitar o que tenho que fazer para emagrecer (PACIÊNCIA)

Fazer dieta pode não ser justo, mas eu tenho duas escolhas: eu posso ficar com pena de mim, parar de seguir meu planejamento, não atingir minha meta e continuar a me sentir infeliz comigo mesmo ou então eu posso praticar a empatia comigo mesmo, mas ir em frente e fazer o que sei que preciso.
Todo mundo experimenta algum tipo de injustiça na vida.
Essa é uma das minhas.
Além disso, a grande injustiça comigo seria deixar que essas desculpas me impedissem de atingir a meta que eu quero tanto alcançar.

Quando me parecer injusto não poder comer alguma coisa, reconhecer que estou certa. Então, me perguntar: Que injustiça eu devo escolher: não poder comer isto ou não emagrecer? Então, responder: "Paciência" e ir em frente.

Quando eu deixar de dizer para mim mesmo que fazer dieta não é justo, fazer dieta será mais fácil.

Quando eu focalizar meus esforços apenas no que tenho que fazer hoje, fazer dieta será mais fácil.

Quando eu estiver bem treinado para a identificar meus pensamentos sabotadores, fazer dieta será mais fácil.

Quando eu reconhecer, de imediato, meus erros cognitivos, fazer dieta será mais fácil.

Quanto mais você praticar idéias anti-sabotadoras, mais automaticamente reagirá aos seus pensamentos sabotadores, mesmo sem os Cartões de Enfrentamento.

Não é verdade que não consigo me controlar. É que não quero me controlar exatamente neste momento. Este desejo por comida está forte, mas há uma porção de coisas que posso fazer para contrariá-lo. Ficarei contente por contrariar estes pensamentos.

Quando eu aceitar o fato que é dessa forma que tenho que monitorar minha alimentação, fazer dieta será mais fácil.

Quando eu aprender a usar a balança como instrumento de informação para orientar meus esforços, fazer dieta será mais fácil.

Quando eu acreditar firmemente que eu tenho o direito de falar não aos que insistem para eu comer, fazer dieta será mais fácil.

Quando eu começar a me preparar antecipadamente para comer fora, fazer dieta será mais fácil.

Quando eu aceitar que tenho que seguir uma estratégia de dieta nas férias, fazer dieta será mais fácil.

Quando eu começar a usar outras estratégias, que não a
comida, para me acalmar, fazer dieta será mais fácil.

Quando eu acreditar em mim, fazer dieta será mais fácil.

Quando eu tomar medidas para reduzir meu estresse, fazer dieta será mais fácil.

Quando eu aceitar os exercícios como essenciais e começar a praticá-los constantemente, fazer dieta será mais fácil.

Quando eu der os primeiros passos para para enriquecer a minha vida, fazer dieta será mais fácil.

Quando eu criar uma Rotina consistente do uso das Habilidades para emagrecer, fazer dieta será mais fácil.